Quem são as mulheres que te inspiram?

No Dia Internacional da Mulher que é comemorado nesta sexta-feira, dia 8, e nada mais justo do que dedicar esse post de hoje aqui no blog estampando as mulheres que admiro e inspiro.

Em dias que lutamos tanto pelo nosso espaço e posicionamento, muitas mulheres chegaram lá e mostraram que o caminho pode ser cheio de obstáculos, mas que o pote de ouro está sim depois do arco-íris.

Luiza Trajano

Quem aqui conhece a história dessa mulher? Certamente já ouviu falar dela. Luiz Trajano conseguiu transformar uma rede de lojas localizadas em Franca, interior de São Paulo, em uma rede suficientemente forte para brigar com gigantes do segmento como Casas Bahia e Ponto Frio. Passou por diversos setores, como cobrança e vendas, antes de se tornar diretora-superintendente do Magazine Luiza.

Hoje lidera o Grupo Mulheres do Brasil, formado em 2012 por 50 mulheres atuantes em diversos segmentos da economia, que se uniram por um objetivo em comum: melhorar o país. Hoje, elas são mais de 4.000 e se encontram todo mês para discutir e propor ações ligadas a educação, empreendedorismo, projetos sociais e cotas para mulheres.

Shonda Rhimes

Mandatory Credit: Photo by Matt Baron/BEI/Shutterstock

Grey’s Anatomy, Scandal e How To Get Away With Murder, três das maiores séries da atualidade. Você com certeza conhece alguma delas, afinal juntas somam mais de 20 milhões de espectadores semanalmente, só nos Estados Unidos.

O que talvez você não tenha tido o prazer de conhecer é a mulher por trás de tudo isso, Shonda Rhimes. Ela  é uma mulher negra, que construiu um império na televisão norte americana e que chega em boa parte do mundo.

Sua produtora, ShondaLand produz mais de 70 horas de televisão por temporada e gerando milhões de reais para sua indústria. Shonda Rhimes é um exemplo de empreendedora.

No ano passado assinou com a Netflix e agora passará a produzir séries exclusivas para a plataforma de streaming.

Jessica Alba

Além de conhecer elas das telinhas do cinema e ser reconhecida com atriz de Hollywood, Jessica Alba carrega o título de empreendedora de sucesso. Tudo começou durante sua primeira gravidez em 2008. Ela teve uma crise alérgica após a lavagem de algumas roupas do bebê – que tinham sido lavadas com um sabão específico para crianças.

O evento fez despertar na atriz um interesse em descobrir mais sobre a composição desses produtos.E o que ela descobriu a deixou apavorada: componentes que, apesar de tóxicos, são permitidos por lei. Jessica buscava um ideal: produtos que não fossem apenas eficazes, mas também seguros, bonitos, convenientes, ecológicos e acessíveis.

Daí surgiu a ideia de criar a The Honest Co. (ou “A Empresa Honesta”, em português), uma empresa que comercializa um portfólio de 120 produtos, como fraldas ecológicas, vitaminas, mamadeiras, itens de higiene, entre outras produtos usados por mães e bebês. Em três anos, a empresa já vale incríveis 1 bilhão de dólares.

Niina Secrets

Bruna Santina é maquiadora e em 2010 criou seu canal no YouTube, com dicas de moda e beleza. Tinha apenas 16 anos e era uma das primeiras youtubers que surgiam na época. Ela filmava a si mesmo pela webcam de seu computador.

Hoje ela comanda um império: tem mais de 2 milhões de inscritos no canal original, o Niina Secrets e quase 1 milhão no Niina Vlog, onde faz uma espécie de “reality show” da própria vida. Também tem 2 milhões de seguidores no Instagram, 247 mil no Twitter e quase 1 milhão de curtidas no Facebook. Desde outubro de 2015, é sócia da mãe na loja virtual Niina Secrets Store, que vende roupas, sapatos, acessórios, agendas, almofadas.

Tanto sucesso on-line incentivou outros membros da família a seguir seus passos. A irmã Fabi Santina virou vlogueira de estilo de vida e gastronomia, com mais de 1 milhão de inscritos no YouTube. A mãe, Marisa, tem um canal dirigido a mulheres maduras. Outro irmão, Bruno, lançou um canal com dicas para quem quer se tornar youtuber.

O que elas nos ensinam?

1- Respeite seus valores: muitas delas foram atrás do que realmente acreditavam e tinham aquilo como certo. A história de muitas delas se esbarram exatamente aí. Mulheres que respeitam seus valores e ideias podem chegar sim onde querem.

2- Tome decisões difíceis: As escolhas serão presentes no dia a dia. E você deve sim encará-las de frente. Arriscar o novo muitas vezes trazem resultados nunca esperados.

3 – Tenha o controle: Não deixe que outras pessoas queiram controlar o seu negócio ou mesmo suas ideias. Muitas vezes, por sermos mulheres, nos sentimos pressionadas pela sociedade. A vida é sua, o controle dela também.

4 – Seja estratégica: essas mulheres chegaram onde estão pois aceitaram ajuda de muita gente. Ninguém chega no topo sozinha. Saber com quem se relaciona pode ser a chave para a porta do sucesso.

5 – Não desista: ninguém nunca disse que seria fácil, não é mesmo? Se você acredita em você e no seu potencial siga em frente. Ninguém poderá impedir você de realizar seus sonhos. É só querer!



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *